O Pronto

O Prompt ou Pronto, era uma embarcação em ferro, com cerca de 30m de comprimento, 6m de largura de boca, 2.5m de pontal e deslocava 160 t. Chegou a Madeira em agosto de 1912 e durante cerca de 8 anos o Pronto foi utilizado como barco de carreireiro, transportando principalmente carga à volta da ilha da Madeira.

Entre 1921 e 1922 foi submetido à substituição integral do casco, após as reparações, foram detetados defeitos técnicos que impediam que a embarcação navegasse a mais de 5 nós em mar chão e tempo calmo, o que o impossibilitava de prosseguir com as suas funções de cabotagem no mar alteroso e forte do norte da ilha da Madeira. A empresa proprietária optou desta forma por transformar o Prompt em “fragata de água”, passando a estar ao serviço do porto do Funchal.

O Pronto acabou por naufragar no dia 16 de abril de 1929, pelas 17h30. Segundo relatos da época, a embarcação saiu da Pontinha, onde terá carregado cerca de 200 t de água, e foi fundear em frente ao ilhéu Velho, a 16 braças, com condições climáticas favoráveis e sem vento, ficando aproada a leste. Após a chegada da tripulação a terra, terá levantado a proa e afundou a popa até desaparecer totalmente.

No seu relatório, o Cmdt. Afonso Coelho que dirigia a frota na qual estava integrado o pequeno Prompt, apresenta a teoria de que as anteparas da ré, junto à casa das máquinas terão cedido, alagando o compartimento à popa onde estariam as caldeiras e a máquina, fazendo com que este fosse ao fundo a pique. Este facto pode facilmente ser confirmado através da observação dos danos ainda visíveis na zona do leme e hélice.

Artigos Relacionados

Últimas Publicações